19/03/2010

"Vou abrir a porta e ele vai entrar. Vai me abraçar, sorrir para mim, vai pegar minha mão, e quem sabe pela primeira vez vamos de verdade falar.
Ou calar – num silêncio melhor do que qualquer palavra."

(Lya Luft)
Link Curto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!