12/01/2011


Sabe que todas as coisas que eu fiz, todas mesmo, eu nunca pedi nada em troca, simplesmente porque eu não preciso disso, eu nunca precisei. Eu faço por ti, pela tua felicidade. Eu me mostrei o tempo inteiro transparente, em tudo, principalmente no que eu sentia, sempre no que eu sentia, sinto. E assim, crua, deixava transparecer também, meus defeitos. Dizem que na vida a gente perde e ganha pontos com os outros, eu, pelo visto, só perco, e se ganho, não noto. Joguei comigo mesma, e perdi, perdi feio. Então só apertei o pause e depois o play, e deixei continuar. Eu sabia o tempo todo, eu sabia, foi opção minha insistir no erro, só não optei por sentir, mas como já estávamos ali mesmo, naquela altura do campeonato, eu não ia ser covarde e dar pra trás com tudo o que eu disse, porque sim, eu disse, e TODAS as vezes que eu disse foram de verdade, acredite mais do que tudo, era o que eu sentia... E eu ainda sinto, eu ainda sinto porque é mais forte que o meu não, e eu não posso simplesmente passar a borracha em cima disso, sorrir, e fazer de conta que nada aconteceu... Aconteceu sim, nós sabemos que aconteceu. Pelo amor de Deus, a que ponto chegamos? É simples assim? Pra mim não existe gente descartável, infelizmente. Mais uma vez só peço uma coisa, pra mim, pra ti, pra todo mundo... MAIS AMOR, POR FAVOR!

Larissa Miranda 
Link Curto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!